Quote 26 Jan
[…] Manifesto Avant-Pop de Mark Amerika e Lance Olsen emIn Memorian to Post-Modernism (San Diego Universty Press, 1995, p. 21), quando afirmam as diferenças entre o pós-modernismo e a cultura de rede:Uma das principais crenças do pós-modernismo é: eu, quem quer que seja este, junto pedaços de dados e formo um texto, enquanto você, quem quer que seja, produz seu próprio significado com base naquilo que traz para este texto. Um dos mais importantes princípios do avant-pop é: eu, quem quer que seja, estou sempre interagindo com os dados criados pelo coletivo, quem quer que seja este, e por meio da interação e da ampliação deste coletivo, vou encontrar significado.

Design crafted by Prashanth Kamalakanthan. Powered by Tumblr.